• WCorp Software

Como acertar ao fazer um inventário de estoque


Ao gerir um estoque é preciso ter muita cautela por ser uma das principais dificuldades nas indústrias. Quando implantamos controle maior em estoque aparece a necessidade de criar inventários de forma constante.


Seja como meio de verificação ou para iniciar um controle do “Inventário Físico” ou “Inventário de estoque” é um processo que se encontra facilmente no meio industrial.

Com objetivo simples, o inventário busca identificar na prática o total de cada um dos itens de estocagem da empresa, sejam eles produtos acabados, em processo ou matérias primas.


Sabemos também que o tamanho da empresa torna ainda mais complicado realizar esse trabalho de inventário com maior frequência. Quanto maior e mais complexo, mais demanda de trabalho gera, por ser necessário a identificação de item por item em um estoque.


Por isso, é necessário transformar o que é difícil em soluções e fazer com que todo esse processo seja cada vez mais simples e exato.


A partir do momento que trouxer uma segurança para esse processo de fazer inventário, os colaborados trabalharão com mais motivação e com confiança, otimizando o tempo de que seria investido em retrabalho.


Com esse pensamento, sabemos que existem dicas essenciais para acertar na hora de fazer um inventário de estoque:


- Padronizar: Padronizando os seus produtos através de códigos, separando em grupos, enumerando. Padronize seu estoque da maneira que for melhor para a sua empresa, desde que obtenha uma boa rotatividade em lugares acessíveis.


- O momento de fazer inventário: Os inventários precisam ser feitos em momentos específicos, quando não há entrada e nem saída de material. O ideal seria contar todos itens disponíveis na empresa. Mas como muitas vezes isso não é possível, tentar realizar em pequenos períodos no decorrer da produção, através de pequenas equipes realizando esse trabalho de forma contínua.


- Ter bom senso: O inventário precisa ser feito com praticidade. Utilize todas as métricas possíveis e disponíveis, estabeleça percentuais e mantenha a atenção em todos os grupos desde os mais “baratos” aos mais “caros”, com uma atenção redobrada aos mais caros.


- Deixe seus colaboradores bem preparados: Deixe os inventários programados com antecedência. Mantenha seus colaboradores bem treinados e escolha os que possuem mais paciência para realizar esse trabalho.


- Faça esse trabalho com segurança: Faça um roteiro que otimize seu tempo, porém haja segurança nas contagens. Realizar a contagem 3 vezes é uma dica que pode diminuir a possibilidade de erros humanos.


- Saiba para que está fazendo esse inventário: Nas empresas normalmente o inventário faz parte da rotina periódica da empresa. Porém, devemos sempre ressaltar que se houver muita diferença entre o inventário físico e o sistema de gestão, maior será a possibilidade de falha no controle de estoque da empresa. Nos casos piores será possível identificar erros grotescos, entregas não realizadas, perdas na produção por falta de apontamento, e na pior visão, roubos da equipe. Por esse motivo é importante ressaltar a importância desse recurso e a segurança que ele traz para o processo de controle de estoque.


Por isso estabeleça essa rotina na sua empresa para que ela cresça ainda mais!


#wcorp #wcorpsoftware #homeoffice #sistemadegestão #erp #softwaredegestão #industria #distribuição #softwareerp #sistemaerp #emitirnfe #notafiscal #gestãoempresarial #cte #mdfe #sped #blocok #erpnanuvem #inventáriodeestoque #padronização #inventário #controledeestoque #rotinaperiódica #apontamento

© 2020 por WaveConcept Software