• WCorp Software

Controle seu estoque em menos de 30 dias!


Hoje iremos abordar como é realizada a implantação de um Software de Gestão Empresarial, mais precisamente, um caso real de implantação do ERP WCORP em uma Indústria de Embalagem, onde conseguimos controlar o estoque de Produto Acabado em menos de 30 dias, desde o planejamento até a etapa da implantação.


Vamos começar com a definição simples do que é um Software de Gestão Empresarial, ERP.


A sigla ERP (Enterprise Resource Planning), na tradução livre, Planejamento dos Recursos da Empresa, trata-se de um software que através de processos definidos dentro de uma empresa promove a gestão Administrativa, Financeira, Comercial e Produtiva.


Um ERP permite também:


• Reduzir retrabalhos operacionais;

• Controle dos gastos da empresa;

• Otimizar a produção;

• Proporcionar tomadas de decisões ágeis;

• Agilizar a execução de tarefas operacionais;

• Confiabilidade nos dados.


Mas como implantar um ERP na sua empresa? Fica tranquilo, é o que vamos abordar neste post.


1. Tivemos apoio dos tomadores de decisão da empresa;


Este é o ponto principal de partida para a implantação de um Software de Gestão Empresarial. É fundamental que a direção da empresa esteja com a decisão de implantar ou trocar um ERP bem definida, assim eles irão colher os resultados da implantação do Software e farão com que o time esteja engajado o tempo todo.

Afinal, um projeto dentro de implantação de um Software em uma empresa precisa de apoio da direção e clareza que os maiores beneficiados serão eles.


2. Criamos um time de implantação do Software de Gestão e os mantivemos engajados;

O time de implantação do software deverá ser composto por funcionários dos mais diversos setores, como vendas, financeiro, compras, operações e gerenciamento.

Cada membro da equipe deverá estar comprometido com o sucesso do projeto como um todo. Assim, cada um deles ficará responsável por tarefas específicas de cada departamento.

Certifique-se, também, de incluir, na equipe, os líderes de cada departamento. Eles possuem o conhecimento da própria equipe e podem delegar as atividades operacionais, além de, serem os key-users (usuários chave) no processo de implantação.


3. Identificamos os pontos críticos;

Após definido o time de implantação, é hora de analisar quais são os processos críticos a serem otimizados dentro de cada departamento. Uma boa forma de realizar esta tarefa é coletar cópias de documentos essenciais que são utilizados no dia a dia da empresa, por exemplo:

- Os seus procedimentos operacionais;

- Os processos manuais que poderiam ser automatizados.


4. Elaboramos um planejamento estratégico com cronograma de atividades;

O planejamento das atividades operacionais deve ser elaborado pela empresa fornecedora da solução de software e pela empresa que está implantando, pois ambos precisam estar alinhados para definir quem são as pessoas do time que atuarão em cada tarefa do cronograma e qual o prazo de cada uma delas.

Lembrando que o planejamento é base para cumprir com o objetivo de implantação do Software, que pode também ser alterado mediante o decorrer do projeto, por inúmeras situações que podem ocorrer.

Faça o acompanhamento destas atividades, delegue para uma pessoa do time ser responsável por acompanhar as atividades de cada time e atualizar todos do andamento do projeto.


5. Nos preparamos para o Go Live do Software na empresa;

O go live é o momento em que o projeto de implantação do Software passa do ambiente de homologação para a próxima etapa, que é a de operação do Software na empresa de forma real.

Esta é a etapa do cronograma do projeto que todos devem mirar como primeiro objetivo a ser atingido, pois ela caracteriza que a empresa irá utilizar a partir daquela data o Software para controle dos processos operacionais básicos, que foram definidos no planejamento estratégico.

Neste momento todos os usuários já validaram suas operações no Software e fizeram simulações para garantir que o processo possa fluir. Estas etapas devem estar previstas no cronograma do projeto.

É imprescindível que na data do go live tenha acompanhamento da empresa fornecedora do Software, pois, por mais que as simulações tenham sido feitas, podem ocorrer situações que somente podem ser validadas em ambiente de produção. Desta forma, todo time estando em atenção podem dar solução aos problemas de forma mais ágil.


6. Fizemos acompanhamentos e revisão dos processos com os usuários;

O go live é uma das etapas finais do cronograma, porém a implantação do software não se encerra com ela. É preciso que haja acompanhamento junto dos usuários chave e dos usuários operacionais, para garantir que os processos estão sendo realizados da forma correta para garantir a extração dos dados com confiabilidade.


7. Implementamos novas funcionalidades do Software.

Com a revisão dos processos e implantação das funcionalidades principais do Software, surge a necessidade de implementar novas funcionalidades, das quais são proporcionais aos usuários operacionais como ganho de produtividade com a diminuição do tempo para executar tarefas simples, como por exemplo: gerar boletos bancários via software ERP.


Durante a implantação, não temos dúvidas de que você enfrentará diversos empecilhos, mas isso não deverá ser motivo para desanimar. É necessário persistência e comprometimento com a implantação do software para que ele possa gerar os resultados propostos.


Ficou claro como implantar um Software ERP na empresa? Então não perca mais tempo e fale conosco agora mesmo!


#wcorp #wcorpsoftware #homeoffice #sistemadegestão #erp #softwaredegestão #industria #distribuição #softwareerp #sistemaerp #emitirnfe #notafiscal #gestãoempresarial #cte #mdfe #sped #blocok

15 visualizações

© 2020 por WaveConcept Software